quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Gandhi na igreja



A história diz que Gandhi conheceu o cristianismo. Ele gostava de ouvir as palavras de Cristo e as usava em suas pregações.
Certa vez quando ele tinha de 18 para 19 anos ele entrou em uma igreja evangélica na Inglaterra, e sentado num banco no fundo da igreja, nenhuma pessoa se levantou para dar-lhe algum lugar melhor, as mulheres tiravam as suas crianças de perto dele.Além de sua cor indiana, o cheiro de incenso que ele usava, incomodava as pessoas. Ele passou uma noite inteira ouvindo o pastor pregar, e quando terminou o culto, ele não se deixou envolver pelo preconceito que estava ao seu lado, ele olhava o pastor e dizia: “quando terminar eu vou falar com ele”. Mas ele não conseguiu se aproximar do pastor, não deixaram. O pastor disse que ele teria que agendar uma entrevista com ele para outro horário. Gandhi sentou-se no último banco da igreja; era uma noite fria na Inglaterra, uma noite de inverno com muita neve. Ele percebe o diácono apagando as luzes, convidando todos a saírem de dentro da igreja. E ele diz ao diácono:”Eu não tenho para onde ir, eu acabei de chegar de viagem, não tem um lugarzinho para eu dormir? E o diácono diz: Não , não temos. O senhor tem uma roupa para me dar?E o diácono diz: Não, não temos. O senhor tem um prato de comida? E o diácono diz : Não , não temos senhor, isso não é problema nosso, se retire porque o senhor é só mais um pedinte que passa por aqui”.
Naquela noite , Gandhi dormiu do lado de fora da igreja, e cobriu-se de jornal.
Gandhi voltou revoltado para Índia, chegando lá, disse aos seus compatriotas:
“O Deus dos cristãos não é como os deuses que nós temos, os cristãos pregam aqui aquilo que não vivem dentro do seu coração”.
Gandhi morreu, assassinado com três tiros.
(Extraído da pregação:”Antes que chegue o inverno” do pastor Marcos Feliciano)

3 comentários:

®enata disse...

Meu Deus!!!

Que texto incrível, de exortação a nós mesmos!!!
Vejo isso, exatamente isso, acontecer em diversos lugares, onde deveriam ser templos, nas casas do Senhor, e mais ainda em corações humanos...
Vejo isso mais claro ainda na Bíblia:

Mateus 25:42-46

Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.
Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.
E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.
-------------

Glória a Deus por esta Palavra que atravéz deste texto que você colocou neste post, pude ver agora na Bíblia, e que triste será o fim dessas pessoas que sabem da Palavra, mas não a praticam em seu próprio coração!

Beijos, Célia!
Graça e Paz sempre!

®enata disse...

Olá, Célia...tudo bem?
Você acaba de receber mais um selo:
...Diga o Fraco Eu Sou Forte

Passe no meu blog, no Scraps Gospel, e pode pegar...
É pra você, com Carinho!

Deus Abençõe ricamente sua vida!
Beijos...

Célia Pessôa disse...

É verdade Renata!eu presenciei uma cena dessa quando visitei uma determinada igreja,um mendigo tentou entrar para assistir o culto, porque ele estava sujo e de bermuda,o diácono da portaria, colocou ele prá fora dizendo;"vá tomar um banho e colocar uma roupa primeiro", uma irmã que passava perto, discutiu com o diácono e colocou o homem novamente prá dentro, e deu-lhe uma cadeira para que ele se sentasse sozinho lá na porta. Aquele homem chorou feito criança...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Motivo de oração