segunda-feira, 9 de março de 2009

Lições de Jonas



Crentes de sombra e água fresca


“Aí Jonas saiu de Nínive, foi para o lado onde o sol nasce e sentou-se. Depois construiu um abrigo e sentou-se na sombra, esperando para ver o que ia acontecer com a cidade. Então o Senhor Deus fez crescer uma planta por cima de Jonas, para lhe dar um pouco de sombra, de modo que ele se sentisse mais confortável. E Jonas ficou muito satisfeito com a planta. Mas no dia seguinte, quando sol ia nascer, por ordem de Deus um bicho atacou a planta e ela secou. Depois que o sol nasceu, Deus mandou um vento quente vindo do leste. E Jonas quase desmaiou por causa do calor do sol, que queimava a sua cabeça. Então quis morrer e disse:
__Para mim é melhor morrer do que viver!”(Jonas 4:5-8)

È impressionante como muitas vezes, as pessoas se apegam mais a “coisas”, do que ao semelhante. Saber lidar com perdas não é se tornar insensível ao sofrimento alheio. Aprendi que sempre que Deus nos permite grandes perdas, logo depois ele nos proporciona grandes compensações, pelo menos tem sido assim comigo, e por isso posso descansar Nele. Falar em perdas na igreja está fora de moda, o crente de hoje é ensinado a só chorar de alegria.
Um sábado desses, meu marido (que quando prega sempre faz apelo para que alguém receba a Jesus como Salvador), sentou-se em frente à TV para assistir programas evangélicos e queixou-se que não se prega mais a salvação. Passamos por uma crise seríssima no Brasil e no mundo, de imoralidade, violência, injustiça, idolatria, e então, onde estão os nossos profetas?Esperando para ver o que vai acontecer, e de má vontade, que nem Jonas?
A tal da lei contra a homofobia, nem foi aprovada ainda, e já tem pastor se encolhendo, falar que homossexualismo é pecado no púlpito, nem pensar! A lei do aborto também não foi aprovada, mas os ativistas continuam insistindo. A menina de 9 anos que foi estuprada pelo padrasto e engravidou de gêmeos, tem sido usada como bandeira do movimento, depois que a justiça autorizou o aborto(Em casos de estupro e risco de vida para a mãe, a lei permite, deixando a decisão à critério da mulher).Para colocar mais lenha na fogueira, a igreja católica excomungou a criança e os médicos que fizeram o aborto, mas não o estuprador,foi desastroso! o caso teve repercussão internacional. Cadê os nossos profetas?
Recordo-me, que um professor de Homilética (Técnicas de pregação)do seminário, disse certa vez que o profeta Jonas, foi um dos maiores pregadores que já existiu, pois uma cidade inteira se converteu, mais de 120 mil pessoas; mas também foi um dos piores, porque pregava sem amor: “Dentro de 40 dias Nínive será destruída!” , ele não dizia isso esperando que a cidade se convertesse; como profeta, ele sabia que um dia Nínive seria instrumento de Deus para punir Israel; com seu forte sentimento nacionalista judeu(sentimento que no Brasil só se manifesta quando a seleção brasileira está na Copa do Mundo!), ele queria assistir e aplaudir de pé a destruição daquela nação inimiga!
Semelhante a Jonas, encontro muitos crentes vingativos, que pensam que Deus além de ser uma espécie de “papai Noel”, pois tem a obrigação de dar tudo o que pedirem, é também algum “super herói” vingador, que satisfaz os seus mais mesquinhos sentimentos de vingança, esquecem que a Bíblia diz que” a nossa luta não é contra a carne nem o sangue, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo das trevas, nas regiões celestes”(Efésios 6:12). Uma determinada irmã me relatou um “testemunho” de como Deus é fiel com ela! Ela sentiu-se humilhada por uma pessoa que não era cristã, imediatamente dobrou os joelhos e orou pedindo a “justiça divina”, naquela mesma semana, a pessoa morreu em um acidente de carro! Conheço vários relatos desta natureza; Jesus disse que “Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.” JOÃO 16:33 ... Mas o crente de hoje não quer saber de suportar aflições.
Este tipo de sentimento egoísta faz parte da natureza humana, no episódio de Caim e Abel, Caim ainda indignado, porque sua oferta foi rejeitada, ouve de Deus: “... o pecado está na porta, à sua espera. Ele quer dominá-lo, mas você precisa vencê-lo.” (Gênesis 4:6c), logo depois ele comete o primeiro homicídio do planeta, matando o seu próprio irmão! Difícil é convencer essas pessoas de que, desejar a morte de alguém é tão pecado, quanto puxar o gatilho de um revólver!Novamente Jesus nos ensina que pecamos também por pensamento e não só por atos! “Qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura no seu coração, já adulterou com ela” (Mat. 5:28). Jesus chama a atenção neste texto para atitude do coração. E quando os samaritanos não quiseram receber a Jesus, Tiago e João lhe perguntaram: ”O Senhor quer que a gente mande descer fogo do céu para acabar com estas pessoas? Porém Jesus, virando-se para eles, os repreendeu. (Lucas 9:51-56).
Voltando à “planta de Jonas”, é muito fácil nos apegarmos a “coisas”, mais do que ao semelhante, porque somos terrivelmente egoístas, muitas das vezes esquecemos que o nosso “inimigo” carnal, é alguém que Jesus quer salvar!
É impressionante a misericórdia de Deus em relação à Nínive, narrada no livro de Jonas: ”Então perguntou Deus a Jonas: É razoável essa tua ira por causa da planta? Ele respondeu: É razoável a minha ira até a morte.
Tornou o Senhor: Tens compaixão da planta que te não custou trabalho, a qual não fizeste crescer, que numa noite nasceu e numa noite pereceu; e não hei de eu ter compaixão da grande cidade de Nínive, em que há mais de cento e vinte e mil pessoas, que não sabem discernir entre a mão direita e a mão esquerda, e também muitos animais?(Jonas 4:9-11).
“Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo.
Eu, porém, vos digo: amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem;
Para que vos torneis filhos do vosso Pai celeste, porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons e vir chuvas sobre justos e injustos.
Porque, se amardes os que vos amam, que recompensa tendes?Não fazem os cobradores de impostos também o mesmo?
E, se saudardes somente os vossos irmãos, que fazeis de mais?Não fazem os pagãos também o mesmo?
Portanto, sede vós perfeitos como perfeito é o vosso Pai celeste.”.
(Mateus 5:43-48)

Um comentário:

vilma disse...

Muito bom esse texto.Amei a ideia "Crente sombra e água fresca".Deus te abençoe!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Motivo de oração